segunda-feira, 26 de março de 2012

Futsal Pernambucano domina 9ª Taça Campina Grande!!!





O Futsal Pernambucano voltou a dominar o Futsal de Base da Região e conquistou 4 títulos e 3 vice-campeonatos na 9ª Taça Campina Grande de Futsal. Os principais destaques foram a volta do Trem Bala Tricolor Sub_7,  o Novo Super Sub 9 do Náutico com o título e o  Sub 11B com o vice, mostraram a força do Trabalho do Prof. Levi; a grande recuperação do sub 13 do Náutico  enfim o tão esperado Título para o Sub 11 do Sport, que já se apresenta como a grande equipe Sub 11 do estado e a afirmação de Kaio Jorge como o melhor atleta da Categoria.

A Sub 11 do Sport após montar várias seleções e naufragar, chegou ao título desta vez com o trabalho da base, valorizando a continuidade e o Trabalho do prof. André, mais uma vez o Futsal mostrou que planejamento e trabalho de longo prazo são mais eficientes que as seleções de curto prazo! 


Sub 7
Santa Cruz_PE 4-2 Náutico_PE
Artilheiro: Carlito Tiago (Santa Cruz_PE) 16 gols
Destaque: Carlito Tiago (Santa Cruz_PE)
Melhor Goleiro: Claydson Arthur (Santa Cruz_PE)


Sub 9
Náutico_PE 4-0 Benfica_PB
Artilheiro: Alcides Matias (Internacional_PE) 10 gols
Destaque: Thiago Felipe (Náutico_PE) e Geraldo Kauã (Internacional)
Melhor Goleiro: José Vitor (Benfica) e Bruno Beltrão (Náutico_PE)


Sub 11
Sport Recife_PE 5 - 3 Náutico_B_PE
Artilheiro: Kaio Jorge (Sport Recife_PE) 13 gols
Destaque: Kaio Jorge (Sport Recife_PE)
Melhor Goleiro: Guilherme Oliveira (Náutico_B_PE)

Sub 13
Náutico_PE 4-2 Santa Cruz_PE
Artilheiro: Pablo Marcelo (Náutico_PE) 13 gols
Destaque: Pablo Marcelo (Náutico_PE)
Melhor Goleiro: Caio César (Santa Cruz_PE)



Sub 15
Alice Coutinho_CG 3-0 Benfica_PB
Artilheiro: Igor Souza (Alice Coutinho_CG) 15 gols
Destaque: Igor Souza (Alice Coutinho_CG)
Melhor Goleiro: Wanduy Brindeiro (Benfica_PB)

Sub 17
Alice Coutinho_CG 3-1 CAD_CG
Artilheiro: Vinicius Gomes (CAD_CG) 6 gols
Destaque: Roger Ruan (Alice Coutinho_CG) 6 indicações
Melhor Goleiro: Tiago Silva (Alice Coutinho_CG) 6 indicações

Sub 15 Feminino
QI_PB 1-0 Audax_Alagoa Nova_PB
Artilheira: Vitória Cirino (QI_PB) 3 gols
Destaque: Vitória Cirino (QI_PB) 2 indicações
Melhor Goleira: Samara Araújo (QI_PB)

Sub 17 Feminino
Augusto dos Anjos_PB 4-1 ASSMAL/Batista Acioli_AL
Artilheira: Kátia Maria (ASSMAL_Batista Acioli_AL) 8 gols
Destaque: Kátia Maria (ASSMAL_Batista Acioli_AL) 3 indicações
Melhor Goleira: Daniele Galdino (Augusto do Anjos_PB)


Forte Abraço!!!

17 comentários:

Anônimo disse...

Bom dia a todos...com três vitórias abaladoras( 9 x 2 no Benfica) (4x2 no Nautico) e (4 x 1 no Sesc de Campina grande), os meninos do Santa Cruz categoria sub sete, levaram a taça de campeão invictos e fizeram história, sendo aplaudidos por todos que estavam presentes nas quadras de Campina Grande, destaques Carlitinho(melhor jogador e artilheiro),o paredão Arthur( o goleiro menos vazado) a dupla de RAÇA "as muralhas" Filipe Pestana e Dedezinho, a velocidade de Gabriel "índio" e a tranquilidade e raça de André(O DECO) foram impactantes na conquista;Meus parabéns aos pais que apoiaram esses guerreirinhos tricolores para mais esta conquista. Um abraço a todos Fernando Pestana.

Paulo Campos disse...

Parabéns a todos os atletas pernambucanos e, sobretudo, ao SUB 11 do Sport que tem uma equipe realmente muito forte para 2012. Mais uma vez Pernambuco mostrou que a qualidade dos nossos atletas vale o investimento.

Anônimo disse...

Parabéns a Carlito e cia, pela continuidade do trem bala, parabéns Levi pelo belo trabalho do sub 9 e André pela excelente equipe sub 11, e não poderia esquecer de Pipa, que mesmo com uma equipe sub 8 saiu na frente do placar e caiu de pé nas semi final contra o poderoso náutico. Enfim, AQUI A BASE É FORTE.



Robson Vital.

Anônimo disse...

Parabéns ao Professor André pelo seu primeiro título a frente do Sport. Professor competente que muitas vezes foi questionados. Ai Marcos, vc vem falar de continuidade de trabalho...Se não me engano só o Caio Jorge era atleta do sub11 do ano passado. O que o Sub 11 do Sport tem hoje é uma equipe competitiva, diferente da do ano pasado que, embora os atletas fossem de qualidade, estava atrás de Barão, Náutico e do Santa.

Marcos Aurélio Albuquerque disse...

Se não me engano André era o técnico do 11 ano passado!!!

E tem Lulinha que jogou tbm em 2011; Diego e outros que vieram do Sub 9..... além de Fernandinho, Matheus e Jayme que vieram do Náutico e já estavam acostumados a jogar ao lado de Caio Jorge....tudo isto é continuidade!

E principalmente amigo, um treinador precisa de tempo pra dar uma formatação ao seu trabalho!

Espero ter esclarecido!!!
De qualquer forma valeu pela observação!

Anônimo disse...

Caro Marcos, continuidade seria se a base dos jogadores do Sport já tivessem trabalhado com o Prof. André no ano anterior. Se não me engano, tirando o Caio, todos os outros jogadores do "TIME TITULAR" eram do Náutico. Isso é continuidade? Continuidade sim, do desrespeito do Sport em assediar atletas de outras equipes. Mais isso já virou uma constante. Como no comentário de um amigo acima, tb não vejo essa diferença do Sport em relação as outras equipes. Eles tem sim, 1 time muito forte.

Marcos Aurélio Albuquerque disse...

Prezado, é só uma questão de interpretação!

A minha forma de entender continuidade no Futebol/Futsal é a sequencia do Trabalho do Treinador e a Filosofia de jogo da equipe, não permanência do elenco!...É verdade que este ou aquele atleta pode fazer a diferença, mais o principal na minha opinião é o trabalho do Treinador em impor uma filosofia a um grupo e manter a filosofia.

Te faço uma pergunta....Qual a equipe do futebol mundial que tem a maior a continuidade de trabalho?????

Se vc responder que é o Manchester...onde o treinador está no cargo a quase 20 anos, vc concorda comigo.

Veja o Santos Futsal 2011; campeão da liga, contratou toda equipe do Jaraguá e mais Ferreti...deu sequencia ao trabalho.

Quanto ao assédio faz parte de qualquer Esporte, todo mundo quer ter a melhor equipe e os melhores atletas...o Real Madri é assim, o São Paulo é assim até o CSKA da Rússia e Nagoia do Japão!

Na NBA é assim, na natação, no judô...atleta só não muda de equipe se for muito valorizado para ficar... Neymar!

Veja o Volei da nossa seleção, que ganhou tudo nos últimos 15 anos...só quem não mudou foi o Treinador Bernadinho, vários atletas passaram mais o nível se manteve o mesmo.

veja nossos três clubes de Futebol deram sequência ao Trabalho de Waldemar, Zé Teodoro e Mazolla; e vejam os elencos e as equipes Titulares...são completamente diferentes das que encerraram a temporada 2011.

Como vc pode ver amigo é só uma questão de interpretação.

Forte Abraço!

Anônimo disse...

Marcos, o problema é que você interpreta da forma ERRADA!!! Um grande erro seu é querer comparar o trabalho de BASE com o ALTO RENDIMENTO. Dá pra você distinguir bem um do outro, não??? Como o nome diz ALTO RENDIMENTO, envolve CAPITAL (Muito dinheiro), seja nas distintas modalidades que você mencionou ou em outras que deixou de citar. Na BASE se valoriza a formação do atleta, do carater, estão envolvidos os primeiros trabalhos em grupos, as primeiras vitórias, as primeiras derrotas, o respeito com o próximo. O assédio mostra a incompetência da forma que é trabalhado o futsal do Sport. E esse assédio já começa nas categorias láaaaaa em baixo. Eu mesmo já presenciei. Outra coisa amigo, vou bater na mesma tecla, a mesma filosofia de jogo da equipe na categoria sub 9 será a mesma na categoria sub 11? Se sim, ok, terá uma continiuidade. Se não, e na minha ótica NÃO É A MESMA, deixa de ser continuidade e passa a ser uma nova filosofia.

Reveja seus conceitos quando comparar o desporto, até pq seu site é bem acessado e fala da BASE.

Marcos Aurélio Albuquerque disse...

Amigo!

Entendo!
Compreendo!
Porém discordo!..Que há de errado nisto??

E até concordo em parte! Pois os valores que vc citou devem sempre existir e acredito que os profissionais que estão a frente destas categorias cobram e ensinam aos atletas este valores.

Porém alto rendimento quer dizer, resultado, cobrança, busca incessante por vitórias... Esporte Federado é sim de alto rendimento!

Quanto as filosofias de jogo, quis dizer que um treinador precisa de várias experiências pra conseguir implantar seu método, por isto precisa de tempo e de continuidade no trabalho e neste caso André está afrente do Sub 11 Sport a 3 temporadas. Qual outra equipe manteve esta regularidade??? E sem conquistar Títulos!!!!

Agora! Sou leigo no assunto e tenho minha opinião! Exponho idéias para debates e não sentimentos!

Tenho respeito por todos Treinadores e quando falamos em assédio de atletas é bom lembrar que raríssimas vezes é feito por pessoas ligadas aos clubes ou treinadores e sim por pais que se conhecem e convidam os amigos pra levarem seus filhos pra jogarem juntos!

Forte Abraço!

Anônimo disse...

Gostaria de parabenizar toda a equipe sub-7 do trem bala tricolor e aos pais. Mostrando que aqui a base é forte ao artilheiro dessa categoria carlitinho e ao goleiro que mesmo improvisado deu um show e ajudou todos a serem campeão. Valeu Arthur o melhor goleiro de sua categoria. Valeu felipe, Índio, Deco, Andrezinho e em especial ao tecnico Chico.

Anônimo disse...

Acho que Marcos se referiu a continuidade do trabalho de Pipa, que o Sub 9 do ano passado foi ótimo!!! E mérito do grande Pipa!!

Anônimo disse...

Gostaria de parabenizar as equipes participantes e elogiar o trabalho dos dois professores, tanto o do Prof. André quanto o do prof. Levi que chegou a final de um campeonato com um time de dez anos em uma disputa acirrada. Um resultado de 5 X 3 que demonstrou assim a força das duas equipes. Neste jogo os dois times e os professores foram campeões. Parabens ao Prof. André por seu primeiro título. Parabens ao Prof. Levi pelo titulo de Vice-campeao do Sub 7, campeão do sub 9 e vice do sub 11.
Marcos, como dica dê mais detalhes sobre os jogos e sobre a competição. Lamento muito pelas situaçoes que ocorrem durante os jogos, brigas entre pais e torcida, os meninos que nos dão orgulho e precisamos mostrar os resultados do futsal pernambucano dentro de quadra e não em situaçoes lamentáveis como a que se sucedeu na semi final do sub 11 entre Nautico A e Sport. Seria necessário solicitar segurança durante os jogos desses times, ou os pais seriam capazes de manter a civilidade?
É um caso a se pensar...

Anônimo disse...

Gostaria de parabeniza o grupo de futsal sub-13(b) do SANTA CRUZ com o Prof. Elias, pois mais uma vez este grupo perde vários atletas, desta vez foram quatro e mesmo assim o grupo continua forte e sempre chegando e complicando os adversários.
Em Campina Grande foi umas das duas equipes a termina a primeira fase de grupo invicta com três vitórias, lembrando que e uma equipe de primeiro ano, a outra equipa a conquista o mesmo feito foi a do Náutico de segundo ano.
Por isso que acredito muito neste grupo vamos lá sub-13(b).

Anônimo disse...

Foi realmente LAMENTÁVEL! Pena que alguns pais ainda não conseguem vislumbrar o esporte como ferramenta de auxílio à educação, nem enxergam as lições que as crianças passam: as crianças - verdadeiras estrelas do espetáculo - atravessavam a quadra se procurando para os cumprimentos. SHOW DE BOLA!

Anônimo disse...

LIDERAR é ter a capacidade de agir com serenidade em meio ao caos. PARABÉNS Prof. André (Sport - Sub11)EM TUDO prevaleceu a SUA supremacia, e a partida, com certeza, abrilhantou o campeonato e valorizou a vitória. Valeu Professor!!

pulacorda disse...

A conquista do título do sub 11 do Sport, se deu por algumas questões de uma grandeza inestimável.
O TÉCNICO É O TÉCNICO...
OS PAIS SÃO OS BABÕES DE SEUS FILHOS, E VIBRADORES DAS CONQUISTAS DOS AMIGOS DE SEUS FILHOS EM QUADRA.
AS CRIANÇAS SÃO CRIANÇAS, QUE EM QUADRA COLOCAM EM PRATICA O APRENDIZADO, SEU TALENTO SUA ALEGRIA...

Anônimo disse...

Marcos tenho que discordar de você em relação ao assédio. Acompanho o futsal de base a algum tempo e tenho visto o assédio constante de dirigentes e treinadores para trazer este ou aquele jogador até mesmo em detrimento de jogadores de qualidade que ele ja tem no elenco e que se fosse um trabalho de formação de atletas isto não aconteceria.O futsal de base, para formação de atletas não existe mais. Temos dirigentes que querem se promover e treinadores que só pensam e ganhar, afinal o seu emprego depende disto, mesmo ganhando uma miséria, é melhor que nada e a pressão é absurda em cima de resultados. Em momento nenhum vejo algum treinador ou diretor pensar nas crianças. Cada um só pensa em sua promoção particular.

Postar um comentário